Novo despertar : Villa Ramadas
VillaRamadas

Novo despertar

Com 18 anos, o meu melhor amigo perdeu o seu maior companheiro: o pai.

Fui testemunha de muitos momentos que passaram juntos, sendo que estive presente em muitos deles. Íamos juntos ao futebol, à pesca, às patuscadas de homens… Era uma enorme cumplicidade, tanto que até eu sofri muito quando ele faleceu vítima de uma embolia cerebral fulminante.

A partir daí o Vasco perdeu a vontade de viver. Ia à escola por obrigação, deixou de ir aos treinos de futebol, já não queria ver os jogos do seu clube, deixou de sair à noite com os amigos… Eu bem que o tentava motivar, mas era em vão. Aos poucos foi afastando todos os amigos e a relação com a mãe estava a ficar insuportável, aliás, estava a deixar de existir.

Preocupado passava muitas horas a falar com a mãe dele, que me pedia encarecidamente ajuda. Depois de pesquisar na internet, encontrei o site do centro e fiquei desde logo convencido que ali Vasco voltaria a ter gosto pela vida. Consegui convencê-lo e identificou-se de imediato com os restantes pacientes, vendo que precisava mesmo de reagir, ainda era muito novo para já estar assim.

Só sei que este centro fez milagres pelo meu amigo. Voltou cheio de vida e vontade de lutar para ser alguém. A relação com a mãe melhorou e muito. Voltou a estar com os amigos, retomou o desporto e as aulas. A verdade é que graças a este centro recuperei novamente o meu melhor amigo.

Obrigado por o terem "despertado" para a vida.

Anónimo

Outros testemunhos Luto

Tratamento Luto



Google Plus VillaRamadas