Co-dependência entre irmãos : Villa Ramadas
VillaRamadas

Co-dependência entre irmãos

Estou há dois anos em recuperação do meu problema de co-dependência.

Apesar de me ser complicado falar do assunto, achei fundamental dar o meu testemunho, porque magoei algumas pessoas devido a esta minha doença, principalmente o meu irmão, que tem mais 4 anos que eu e que sempre vi como meu protector.

Já em criança, sempre que me via em apuros, era o meu irmão que me safava. Com o avançar dos anos, a situação manteve-se e piorou quando o meu pai saiu de casa e foi ele a figura masculina mais velha a ficar em casa. Inconscientemente, assumi que ele teria o dever de ser meu protector, só que não percebi que com estas atitudes, nem eu cresci, como também o limitava e prejudicava.

Já tinha 23 anos e mesmo assim não conseguia resolver os meus problemas sozinha. Até em casa, provocava situações complicadas até com os meus pais. A minha co-dependência era de tal forma, que acabava por o invejar e fazer-me de vítima perante os meus pais, que estavam cada vez mais afastados do meu irmão e tudo por minha culpa.

Nem sei como é que ele aturou tanto de mim, os dramas, as “queixinhas” e os “choradinhos” constantes que fazia aos meus pais… Fui de tal forma egoísta que por pouco não perdi o meu irmão…

Entretanto ele iniciou uma relação estável e a namorada começou a alertá-lo para a minha co-dependência, ele via o que se passava, mas não tinha coragem de me dizer que “não”, sentia-se responsável por mim. Aos poucos a namorada ia-se cansando de me ver a manipulá-lo, que teve uma conversa séria com ele: ou punha um travão na minha co-dependência ou ela não aturava mais aquilo…

Na mesma altura, coloquei-o a defender-me numa situação complicada. No fim de tudo estar resolvido, ele disse-me que estava farto e que eu precisava de me tratar. Da maneira enfurecida que o vi, percebi que precisava de ajuda urgente, senão perderia o meu irmão.

Este centro entrou no meu caminho e aqui ensinaram-me a “voar” e crescer. Se alguma vez tinha pensado que sofria de co-dependência! Mas foi das melhores experiências da minha vida e fez-me perceber que sozinha também sou capaz de vencer na vida. A minha relação com o meu irmão está equilibrada e melhor do que nunca. Dependo de mim e sinto-me feliz por isso.

Obrigado pelas “asas” que me deram…

Rita, Portugal

Outros testemunhos Co-dependência

Tratamento Co-dependência


Google Plus VillaRamadas