Aqui renasci!

Anónimo

Sentia-me perdida e sozinha no mundo, quando na verdade tinha tudo... Só que para mim esse tudo não era nada... E assim deixei-me cair numa inércia sem fim, farta de tudo e de todos, mas mais farta ainda de mim e da imagem que reflectia no espelho.

Nunca fui uma pessoa atractiva e na escola era mesmo ignorada e a última a ser convidada para o que quer que fosse...

Sem auto-estima e na esperança de me tornar uma daquelas "raparigas" que muito se vê na televisão e nas capas de revistas, sem me aperceber começou o meu comportamento auto-destrutivo.

A comida tornou-se na minha pior inimiga, assim como o espelho, que insistia em não mostrar a imagem que eu tanto queria. Dos 62 quilos depressa cheguei aos 40, mas mesmo assim ainda não era suficiente. No fundo, nunca nada era suficiente porque os objectivos que propunha tornavam-se inalcançáveis.

A minha família desesperada fez de tudo, fui internada por diversas vezes e seguida por diversos médicos, mas nada resultava... Hoje sei que não resultavam porque eu não me queria tratar, mas tudo mudou...

Certo dia, perdi os sentidos e acordei numa cama de hospital depois de 4 dias em coma. Imediatamente pensei que algo tinha que mudar e a verdade é que mudou...

Há uns anos dei entrada em VillaRamadas e percebi que era ali que ia renascer. Viver um dia de cada vez tornou-se o meu objectivo. O amor firme que me foi dado era a força que eu precisava.

Aos poucos aprendi a respeitar-me e a gostar de mim.

Hoje sou feliz e uma nova pessoa.

Renasci!

Utilizamos cookies para garantir que o nosso site funcione da maneira mais tranquila possível e para analisar o tráfego da web. Se você continuar a usar o site, concorda com nossa Política de Cookies.
OK
Saiba aqui X