Sentimento de fogo

Tratamentos > Raiva > Sentimento de fogo
Anónimo

A raiva foi um sentimento que sempre esteve presente na minha vida. Não sei explicar porquê, mas já em criança tinha atitudes arrogantes e precipitadas, com as quais os meus próprios pais não sabiam lidar.

Por vezes virava-me contra eles e cheguei mesmo a oferecer-lhes tareia, porém o meu pai conseguia controlar-me. A minha mãe era completamente dominada por mim, o medo que tinha por mim era de tal forma grande que evitava a todo o custo estar sozinha comigo.

Andei em diversos psicólogos, estive em centros de correcção, mas de nada adiantou. Um dia, bati num grupo de polícias, que me queriam deter por estar a bater na minha namorada.

A situação foi de tal maneira grave que corri sério risco de ser preso.

Perante esta ameaça, resolvi que tinha que procurar ajuda e o único local que me conseguiu ajudar foi este centro de tratamento.

No início ainda confrontei alguns terapeutas e pacientes, mas acabei por entrar nos eixos. Terminei o tratamento e sinto que sou uma nova pessoa, é certo que por vezes tenho acessos de fúria, mas já os sei controlar e tudo graças ao tratamento.

Utilizamos cookies para garantir que o nosso site funcione da maneira mais tranquila possível e para analisar o tráfego da web. Se você continuar a usar o site, concorda com nossa Política de Cookies.
OK
Saiba aqui X